Lauro de Oliveira Lima, uma reflexão sobre sua importância na educação

Lauro de Oliveira Lima

Nascido em 12 de Abril de 192, no Limoeiro do Norte no Ceará, filho de Mamede e Anacleta de Oliveira Lima,  casou-se com Maria Elizabeth de Oliveira Lima com quem teve sete filhos,  fez o Ginásio, no seminário Salvatoriano,  de São Paulo e o superior na faculdade de Direito, se especializou em administração escolar, psicologia escolar e pedagogia. Tornou-se  conhecido pela atuação no estudo do desenvolvimento do método psicogenético, estruturado pela epistemologia genética de Jean Piaget.  

O método foi elaborado tendo como mediação os estudos realizados por Jean Piaget, onde o  professor Lauro de Oliveira Lima, realizou suas pesquisas, esse método consiste em um processo didático em que respeita as etapas do desenvolvimento infantil, de acordo com a abordagem de Jean Piaget. O método trata sobre  a construção das estruturas do comportamento a qual se  dá devido a adaptação do organismo ao meio.

Seu método teve como origem a visão de Jean Piaget, que compreende que a aprendizagem sendo realizada com afetividade, valorização e respeito traz melhor resultado.

Lauro de Oliveira Lima é representante da tendência liberal renovadora progressiva, essa acredita que a escola deve adequar as necessidades individuais ao meio social, os conteúdos devem serem elaborados a partir das experiências vividas pelo alunos e através das problemáticas  que são propostas pelos professores com o intuito de levar os alunos a possíveis soluções do que foi proposto, nesse caso o professor deverá auxiliar  e motivar o aluno para construir sua autonomia e desenvolvimento pessoal e acadêmico.

Entre suas obras podemos citar: 

  • Mulher objeto de cama e mesa, Editora Vozes, 1978.
  • Paraguaçu a Flor Selvagem, Editora: Lake, 1992
  • A Evolução Do Sistema Monetário Internacional – Chaves da Economia, Editora: Edições 70

Tema sobre a educação:

  • Treinamento do Professor Primário, Editora: Professor, 1966
  • Mutações Em Educação Segundo Mc Luhan, Editora: Vozes, 1973
  • Pedagogia: Reprodução ou Transformação, Editora: Brasiliense, 1982
  • Para Que Servem as Escolas?, Editora: Vozes, 1995

Entre outras diversas publicações.

Reflexões de Lauro de Oliveira Lima

Tudo está fluindo. O homem está em permanente reconstrução; por isto é livre: liberdade é o direito de transformar-se.

Por que um jovem que sente na carne todo empolgamento da era atômica, dos teleguiados, da eletrônica, dos foguetes à Lua, um mundo todo de maravilhas, de cinemas espetaculares, de velocidade, de pistas sem fim de asfalto, de televisão, de construções ciclópicas, haveria de se conformar em passar horas sentado num banco terrivelmente incômodo, ouvindo discursos indigestos sobre os Medas e os Persas, sobre o binômio de Newton que ele não sabe para que serve, sobre a ordem indireta na construção latina, sobre o autor do Hino Nacional? É ou não inteligente quem escapa dessa roda viva? Lauro de Oliveira Lima

⁠“A expressão escola de comunidade procura significar o desenquistamento isolacionista da escola tradicional. Escola, no futuro, será um centro comunitário. A escola não se reduzirá a um lugar fixo murado”. (Lauro de Oliveira Lima)

“Os jovens deixados livres, espontaneamente, estabelecem regras e criam uma “moral” (de outra forma a natureza humana tenderia para a degenerescência o que, biologicamente, contraria os princípios da evolução). Não se ensina “moral”: criam-se condições para ela surgir”.

Referências Bibliográficas:

Portal da Historia do Ceará. Lauro de Oliveira Lima, Disponível em: http://portal.ceara.pro.br/index.php?option=com_content&view=article&id=2678&catid=293&Itemid=101

A Enciclopédia Livre: Lauro de Oliveira Lima, Disponível em: http://laurodeoliveiralima.blogspot.com/2013/06/o-metodo-psicogenetico-parte-iii.html

Pensador. Lauro de Oliveira Lima. Disponível em: pensador.com/autor/lauro_de_oliveira_lima/#:~:text=Tudo%20está%20fluindo.,o%20direito%20de%20transformar-se.&text=Cada%20sociedade%20tem%20a%20moral,dos%20individuos%20que%20a%20compoem.