Henri Wallon E o processo de desenvolvimento infantil

Foto por Naomi Shi em Pexels.com

Henri Paul Hyacinthe Wallon, nasceu em Paris, França em 1978. Em 1899 foi admitido na escola normal superior, em 1902 formou-se em Filosofia, em 1908 formou-se em medicina, durante 23 anos trabalhou com crianças com deficiência mental, em 1914 trabalhou como médico no exército francês, em 1920 lecionou na universidade em Paris, em 1927 foi nomeado diretor da escola prática de estudos avançados. Viveu durante um período de sua vida  a inconstância da vida política. 

Dedicou-se ao estudo da criança para compreender as origens do processo psicológicos humanos. Seu estudo foi voltado para o desenvolvimento integral da criança.

Segundo Wallon o homem é resultado da influência social e fisiológica, tendo aspectos orgânicos e sociais.

A teoria de desenvolvimento cognitivo de Wallon,  é centrada na psicogênese do ser humano como um todo, seu estudo foi relacionado em três aspectos: afetivo, cognitivo e motor.

Wallon divide o desenvolvimento em cinco estágios, sendo eles:

1º Impulsivo e emocional  0 a 1 ano:

Predominantemente afetivo e sensível, observa o corpo e têm movimentos descoordenados, responde às sensações internas (do corpo) e externas (o que ocorre em sua volta).

2º estágio Sensório Motor e Projetivo  de 1 a 3 anos:

Apresenta a marcha e a fala em pleno desenvolvimento, demonstra inteligência e sabe diferenciar a si, o outro  e o que ocorre no mundo.

3º Estágio Personalismo de 3 a 6 anos.

É uma fase de descobertas onde a criança identifica as diferenças existentes nos outros e nos adultos. É  quando ela começa estabelecer relações com o universo em sua volta.

4º Estágio Puberdade e Adolescência 11 anos em diante.

Nesta etapa ela se vê de forma autônoma, acredita ter em si o seu “eu” constituído apesar de conflitos internos e externos e já apresenta valores e sentimentos próprios.

A teoria de Wallon abrange quatro temas: 

  • A motricidade e psicomotricidade –  Segundo ele é a primeira forma como a criança se relaciona, sendo ela sempre de forma afetiva,
  • O Emocional – Segundo ele, a emoção ocorre de forma orgânica e social, e por meio dela se relaciona.
  • Cognição – para Henri Wallon a inteligência está relacionada às atividades humanas, o raciocínio simbólico e a linguagem.
  • Formação da personalidade – O “EU” se constrói por etapas; Wallon acredita que o desenvolvimento acontece através de situações de crise e conflito e não de forma linear. 

Para Wallon, o processo de desenvolvimento infantil ocorre com rupturas, quebras e reviravoltas, ocasionando mudanças em cada etapa das anteriores. Assim, essas experiências promovem mudanças no comportamento da criança. 

Para Wallon a escola deve fornecer formação integral ao aluno constituída de afetividade, cognição e aspectos sociais.

Frases de Henri Wallon

O indivíduo é social não como resultado de circunstâncias externas, mas em virtude de uma necessidade interna. 

Reprovar é sinônimo de expulsar, negar, excluir. É a própria negação do ensino.

O ambiente social da criança determina a sua existência e fornece o primeiro meio de satisfação das suas necessidades.

“A criança responde às impressões que as coisas lhe causam com gestos dirigidos a elas”

Referências Bibliográficas: